Biografia dos Mestres - Fraternitas Rosicruciana Antiqua - Site Oficial do Brasil

Fraternitas Rosicruciana Antiqua
Site Oficial do Brasil
Aula Lucis Central
FRA
Ir para o conteúdo
História > Biografia dos Mestres
COARACYPORÃ

Duval Ernâni de Paula Dr. Ernâni”

Nascido em 21 de julho de 1907, em Minas Gerais, na cidade de Morro Alto, hoje Barão do Monte Alto.

Filho de Antônio Olivier de Paula, “Totônio”. fazendeiro e Olivia Guimarães de Paula.
Por volta dos seis anos de idade ficou órfão de sua mãe, com dois irmãos menores, Demerval e Deoclécio.

Alguns anos depois seu pai tomou a se casar, com uma viúva e “Voval” ganhou mais irmãos do primeiro casamento de sua madrasta, além demais 5 irmãs e 1 irmão por laço paterno, frutos deste segundo casamento de seu pai.
À época em que iniciou seus estudos ia diariamente da fazenda à cidade para estudar, caminhando entre 8 e 20 km, aproximadamente.

Foi para a cidade de Campos dos Goitacazes, cursar o científico no Liceu de Humanidades de Campos, ao mesmo tempo em que fazia o tiro de guerra. Foi quando conheceu uma moça, irmã de um colega seu. Aída Rosa, com quem veio a se casar em 1937. Tiveram 5 filhos: Isis, Ernani Humberto. Hélio Guaracy, Aída Helena e Vânia Aída.

Em 1959, Aída veio a falecer de leucemia. Dez anos depois do falecimento de sua primeira esposa, desposou em segundas núpcias a Sra. Lia Tavares de Paula, com a qual conviveu até o seu falecimento.

Antes de vir para o Rio de Janeiro, ajudou seu amigo Máximo Serrano, artista principal em filmes dirigidos por Humberto Mauro, na cidade de Leopoldina (MG),

Vindo para o Rio de Janeiro, formou-se em Medicina na Escola de Medicina e Cirurgia do Instituto Hanemaniano, em 1936. Durante o curso na faculdade, seu pai, atingido pela crise do café, perdeu quase tudo que tinha.

Dr. Ernani, então passou a realizar vacinações em favelas, para poder sustentar-se e terminar o curso. Por diversas vezes ficou sem almoçar ou jantar, e normalmente comia meio prato de comida. pois era o que seu dinheiro permitia. Durante o tempo em que cursou a faculdade. atuou como técnico de futebol da equipe da escola de medicina, tendo organizado uma competição em Buenos Aires, Argentina, onde sua equipe sagrou-se campeã.

Era torcedor entusiasmado do Fluminense Football Club, que foi fundado no mesmo dia de seu aniversário.

Levado a conhecer a FRA, por um de seus professores da faculdade, logo achou que encontrara aquilo que atendia a suas aspirações religiosas.
Dedicou-se então à medicina homeopática, em seu consultório no centro da cidade, em uma farmácia no Grajaú e atendendo a chamados em suas residências onde atendia a toda a família, e até os animais, como pássaros, cães e gatos.

Por vezes deixava dinheiro para os clientes comprarem os remédios receitados.

Dedicou grande parte de sua vida a Fraternidade, onde assumiu o cargo de Soberano Comendador, no ano de 1946, aos 39 anos de idade, após o falecimento do Comendador Joaquim Soares de Oliveira. Esteve à frente da entidade por 58 anos, cumprindo sua missão, sem interrupção, até o final de sua existência terrena,

Em seus 97 anos, 11 meses e 19 dias de vida nos legou belos exemplos de amizade, respeito, humildade, humanidade e amor ao próximo.
Fraternitas Rosicruciana Antiqua
Webmaster: Luiz Martin
Voltar para o conteúdo